Jovem Crente: Somos Todos Corruptos

Somos Todos Corruptos


Vivemos em uma época em que reina o relativismo, de maneira simples é: o que é certo para um para o outro é errado, e vice-versa. Em um mundo relativista cada um tem “a sua verdade”, pois não existe “verdade absoluta”; desta maneira, o relativismo questiona a Bíblia, pois ela se apresenta como a única verdade. Hoje quando um cristão afirma que alguém nasce pecador e comete pecados ele é taxado de intolerante, pois no caso esta é “uma opinião cristã, baseada numa verdade da Bíblia”. 

Como cristãos, vamos olhar desta ótica: a Bíblia é a verdade de Deus revelada ao homem, que serve como sua única regra de fé e prática. Por isto, não relativize a ordem de Deus, pois temos inúmeros exemplos bíblicos de como isto deu errado. Pecado é pecado e ponto final. 


Pecado sistêmico 


Primeiro, vamos entender o que é pecado sistêmico. É uma prática pecaminosa que se torna comum na sociedade, e até se torna aprovada por ela. Por exemplo o slogan “use camisinha”, enquanto a ordem bíblica é de se manter puro até o casamento. Nós podemos ver claramente na Palavra exemplos desta verdade: 

“Naquela época não havia rei em Israel; cada um fazia o que lhe parecia certo”. Juízes 21.25 
(grifo do autor)

Desde sempre o ser humano tende a relativizar a ordem de Deus e tornar o pecado algo que toma conta de toda a sociedade, pois cada um assume sua conduta e faz o que lhe parece certo. 

O que torna pior é a falta de referências. No caso de juízes, por causa da falta de um referencial humano, o rei, o povo tendia ao pecado, mas é claro que isto não justificava o erro, mesmo sendo o rei um grande influenciador. 

O ser humano quando não supervisionado comete pecados mais facilmente, no caso bíblico faltava um juiz, ou rei, e conosco podemos pensar: “O professor não está vendo, é só uma cola”, “Meus pais não vão ficar sabendo”, “O policial não viu mesmo”, “O original é caro, vai o pirata mesmo”, “É só uma mentirinha”; e muitos outros exemplos. 

O que aprendemos com o caso de Juízes é: faça o que é correto aos olhos de Deus e não aos seus próprios olhos, pois nos enganamos muito fácil. Pare de se justificar e assuma seu pecado, você não está sozinho nessa, todos pecam e precisam se arrepender. 

Não dê desculpas 

Quando você lidar com o pecado você tem que declarar guerra, não será fácil vencê-lo. Invista tempo em sua dependência de Deus através do estudo da Palavra, da oração e da comunhão com aqueles que buscam a Deus. 

“Fuja dos desejos malignos da juventude e siga a justiça, a fé, o amor e a paz, juntamente com os que, de coração puro, invocam o Senhor.” 2 Timóteo 2.22 

O cristão, que deveria ser o exemplo, não o é muitas vezes, então “as pedras clamarão”. Um exemplo é a Controladoria-Geral da União (CGU) que criou a Campanha “Pequenas Corrupções – Diga Não”[1], e em seu álbum no facebook[2] podemos ver frases de corrupção que marcam a vida diária do brasileiro. No site vemos que o objetivo desta campanha é “conscientizar os cidadãos para a necessidade de combater atitudes antiéticas – ou até mesmo ilegais –, que costumam ser culturalmente aceitas e ter a gravidade ignorada ou minimizada”[3]. Algumas frases utilizadas são marcadas pela expressão “Não Tem Desculpa”[4], e seguidas por exemplos como: 1 “Mas todo mundo faz!”, o errado é errado mesmo que todos o façam. 2 “É bem rapidinho...”, não é por causa do tempo que deixou de ser errado. 3 “O exemplo tem que vir de cima”, a mudança pode partir de cada um de nós (no caso deve). 4 “Ninguém está vendo”, não é porque foi as escondidas que deixou de ser errado. 5 “Tem coisa muito pior”, um erro não ameniza o outro. 

Nós, como filhos de Deus, precisamos fazer a diferença. Infelizmente muitos se acomodam com a corrupção, pois o que é errado está tão presente em seu cotidiano que não são incomodados ao ponto de tomar uma atitude contrária a um sistema corrupto. 

Deixe a corrupção 

É normal dizer que corruptos são aqueles que estão no governo roubando o povo, mas na verdade todos foram corrompidos pelo pecado. Então, não ouça seu coração que é desesperadamente, loucamente, insanamente corrupto, pois ele vai te enganar e sempre arrumar uma justificativa para o pecado. 

“O coração é mais enganoso que qualquer outra coisa e sua doença é incurável. Quem é capaz de compreendê-lo?” Jeremias 17.9 

Se empenhe em agradar ao Senhor Jesus em todas as coisas, é para isto que você foi criado. Não será fácil, mas se esforce ao máximo dependendo dele. Algumas dicas para você: faça o que é certo ainda que todos achem errado; evite o erro ainda que todos achem certo; não cometa o erro mesmo que ninguém esteja vendo; tenha pessoas a quem possa prestar contas; adote a Bíblia como padrão de Deus para sua vida. 

Então, pare de justificar o pecado para praticá-lo, pare de se comparar aos outros para amenizá-lo, confesse-o e Cristo te justificará e purificará, passe a se comparar a Cristo, o seu verdadeiro padrão. 

“Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça”. 1 João 1.9 

Por fim, ressalto que as aulas com o professor Helder Cardin em Juízes marcaram estes princípios eternos em minha mente para sempre e creio, queridos leitores, que também ficarão gravados em suas mentes e corações.










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, sugestões ou opiniões. Lembre-se:
- pode discordar, mas com educação