Jovem Crente: Friends, Thanos e eu solteira(o)

Friends, Thanos e eu solteira(o)


Existem algumas grandes certezas na vida que valem para quase todo mundo. A primeira é que o Ross e a Rachel ficariam juntos, e a segunda é que quem está solteiro quer alguém pra chamar de meu _____ (insira aqui um apelido brega). E isso não é ruim, quer dizer, talvez um nome como amoreco e bebê seja péssimo, mas assim como Thanos, é possível desejar algo bom (equilíbrio no caso do vilão cor de beterraba) e procurar de um jeito completamente errado.



A verdade é que é bem difícil lidar com algumas das pressões da vida. Ninguém deveria se sentir obrigado a escolher a faculdade certa aos 17 anos ou encontrar o amor da vida até os 20 e poucos. Os filmes, amigos, família e até a igreja não ajudam muito com essa sensação amarga que é estar sozinho para muita gente. Todo mundo tem um amigo que ¨achou a pessoa certa¨ e outro que ¨nunca deu certo com ninguém¨. Ambos assustam por motivos diferentes. Quero te ajudar a pensar em alguns princípios que o manual do construtor (a Bíblia) oferece.

Ser solteiro não é um problema a ser resolvido. Solidão sim.

Solteirice não é falta de algo. Casamento não é sinal de ser completo. Estar solteiro hoje é o que Deus tem para que seja administrado de forma fiel e digna. É um presente como qualquer outra bênção. Somos completos em Cristo e, por isso, não nos falta nada. Relacionamentos amorosos são coisas boas e saudáveis, mas não um objetivo universal a ser alcançado. Convivência intencional (comunhão) sim.

O comum é entender: ¨Não é bom que o homem esteja só.¨ (Gn 2:18) como um atestado divino de que todo mundo precisa de um companheiro. Mas essa interpretação é incompleta quando vemos o todo das Escrituras. É bastante seguro dizer que Deus sempre vê seus filhos como gente que vive em comunidade, no meio de outras pessoas sendo instrumento de amor, graça e justiça. É daí que vem os vários “uns aos outros” (Jo 15:12) que encorajam a se alegrar com quem está feliz e chorar com quem sofre (Rm 12:15). Não existem lobos solitários no Reino.

Aproveite essa realidade.

Só de chamar a solteirice de fase já está errado. Se casamento não é um alvo, estar solteiro não  é uma etapa. Desejar de forma constante um relacionamento nos faz perder o foco no aqui e agora. Viva sem inveja ou pressa. Salomão, o homem mais sábio que viveu, encoraja-nos a aproveitar as coisas boas da vida e elas são muitas (Ec 11:9).

Paulo vê o estar desacompanhado como oportunidade de servir a Deus de forma mais eficiente (ICo 7:32). Tal como o escritor de Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossenses, Tessalonicenses, Timóteo, Tito e talvez Hebreus, você pode honrar a Deus de uma forma única com a rotina e compromissos atuais.

Seja solteiro para Glória de Deus.

A responsabilidade de viver com integridade e ser transformado em alguém mais parecido com Cristo existe independente do estado civil (ICo 10:31-33). Não se incomode demais com as perguntas inconvenientes sobre namorado(a). A bem da verdade, as pessoas não se cansam de perturbar e apenas alternam as dúvidas de ¨Quando vai casar?¨ para ¨E o primeiro filho?¨.

Se casamento não é necessariamente algo para todo mundo, levar Deus a sério permanece sendo um objetivo comum a todos (Pv 9:10). Se um relacionamento a dois é algo que Deus tem pra você, ótimo. Se não, ótimo também. De um jeito ou de outro o que Deus deseja para todos nós é que sejamos filhos que possuem um relacionamento sincero e profundo com o Senhor de todas as coisas e com as outras pessoas, sejam elas namorados, noiva, amigos, a Phoebe Buffay ou o Homem Aranha.


Artigos Relacionados:






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, sugestões ou opiniões. Lembre-se:
- pode discordar, mas com educação