Jovem Crente: Esperança e satisfação renovadas por um tempo que se reinicia

Esperança e satisfação renovadas por um tempo que se reinicia


Final de ano é tempo de confraternizações, festas, momentos inesquecíveis e aguardados. Também é tempo de reflexão e planejamento para o próximo ano que se aproxima. E como é bom saber que um novo ano chegou e com ele novos sonhos, planos, desafios; que um ciclo se encerrou, mas um novo começou.
Essa dinâmica de reinício de um dia, mês, estação e ano, renova nossa esperança (Salmo 30.5) e é um presente de Deus para nós, para que a vida não se torne monótona e tenhamos a chance de um recomeço junto à possibilidade de encontrar sabedoria e satisfação verdadeiras, aprendendo com nossos erros. Como o versículo a seguir nos ensina:

Ajuda-nos a entender como a vida é breve, para que vivamos com sabedoria. Ó Senhor, volta-te para nós! Até quando te demorarás? Tem compaixão de teus servos. Satisfaze-nos a cada manhã com o teu amor, para que cantemos com alegria até o final da vida."
Salmo 90.12-14 NVT (sugestão: ler todo o Salmo).


Este é o Salmo mais antigo do Antigo Testamento, onde Moisés reconhece a eternidade de Deus, a fragilidade e pecaminosidade humana e, por fim, encerra pedindo a graça de Deus sobre o seu povo. O clamor de Moisés demonstra a necessidade e o desejo de aprender com os acontecimentos decorridos.
O passar do tempo e o olhar para ele sob a perspectiva divina nos ensinam a compreender para que vivemos e pelo que morremos. Não, envelhecer não é uma opção, é intrínseco à nossa natureza, mas temos a possibilidade de escolher como encarar o novo dia buscando amadurecimento e sabedoria e, então, impactar vidas através de nossas escolhas. As decisões de ontem devem reverberar em nossas ações hoje.
O salmo é escrito em um momento de dificuldade, crise e dor: “Até quando te demorarás?”, em outra versão: “até quando será assim?”. Muitas vezes este é o cenário no qual Deus nos ensina a contar os nossos dias, através da valorização do essencial.
E a esperança se renova muitas vezes no amanhecer. Entretanto, não é o simples amanhecer, mas, sim, a satisfação em Deus no novo tempo. Também não é apenas a esperança por um dia melhor, o salmista não diz que a situação melhorou. Mas sua esperança, independentemente da situação, é a confiança de que o Senhor pode satisfazê-lo.
Que 2018 seja um ano de esperanças renovadas e uma alma satisfeita no Senhor. Para isso, nos esforcemos em cultivar um relacionamento pessoal de amor com Deus, e que nossas decisões de hoje reverberem em nosso amanhã.
Quais mudanças Deus espera de você em 2018? Isso trará um novo recomeço em sua vida pessoal com Deus? Quais podem ser as atitudes, pensamentos ou decisões que renovarão sua esperança e satisfação
em Cristo?
Convido você a clamar ao Senhor por uma satisfação viva que possa renovar suas esperanças no
ano de 2018: Senhor, ajuda-me a buscar satisfação em Ti.

Que esse novo ano seja marcado por um relacionamento vivo e pessoal com o Senhor. Pai, renove minha esperança e de toda minha família.
(Liste três áreas de sua vida em que  você necessita do renovo do Senhor e cite três formas de como seu relacionamento com o Senhor pode ser mais profundo e pessoal no próximo ano).



Parte superior do formulário
Parte inferior do formulário


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, sugestões ou opiniões. Lembre-se:
- pode discordar, mas com educação